sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Aquele sobre adorar unhas pintadas


Adoro unhas bem feitas e pintadas.
Gosto quando a cutícula é totalmente retirada. kkkkkk. Mas sei que isso é errado.
Achei essa matéria bem interessante  no portal Beleza e Saúde sobre cuidados com as unhas.
Tem umas dicas bem bacanas e fáceis de pôr em prática.
Dá uma olhadinha lá.

http://belezaesaude.dae.com.br/unhas-bonitas/

Imagem: Corbis.

Aquele em que temos que sair do lugar...



... Encontrei essa imagem passeando em algum blog. Não sei mais de que é. :(

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Aquele sobre a melhor MULHER do mundo...

Ela me ensinou que não se deve temer nada...
Principalmente quando agimos de maneira correta e honesta.
Ensinou que se for de outra forma não serve.
Que família é a base de tudo e o porto seguro para onde sempre voltar.
Que família pode até espetar, mas não assa.
Que quanto mais unidos formos, mas difícil será nos vencer.
Ensinou-me ainda que devemos saber um pouco de tudo mesmo que seja para cobrar do outro. kkkkkkkkk.
Disse-me certa vez que o mundo nos cobra dias de glória, mas não nos prepara para os dias chuvosos.
Nos ensinou a andar, comer com o garfo na mão certa e que existe diferenças entre o pegador de salada e de carne.
Que temos dois ouvidos para escutar mais do que falar.
Que nunca se deve deixar o outro com uma palavra triste nem sem o seu perdão.
Ah! sobre perdão ela sabe muito. Ela perdoa todo mundo, embora às vezes não pareça.
Ela cobra do mundo respeito e verdade.
Enfatiza, sempre que tem a oportunidade, que não existe 'meio honesto', que ou você É ou NÃO É. E ela É.
Está sempre disposta a abraçar, beijar e perdoar mesmo quando eu acho que ela deveria dar umas palmadas.
Construiu boas relações, tanto que a casa geralmente está cheia. Anda vazia ultimamente e ela fica triste por isso.
As portas da casa dela estão sempre abertas como as do coração.
Acolhe todo mundo. Faz o que pode pro tanta gente que vez ou outra sofre com as consequências de confiar em todos.
Ultimamente assumiu uma batalha que não era sua,  e era tão grande, tão intensa... Tive medo de que ela não aguentasse, mas ela é herdeira de um gene forte, corajoso e que não desiste.
Igual a ela é minha avó que também venceu uma guerra complicada há pouco tempo e ainda encontrou junto com toda a família forças para ajudá-la nessa nova empreitada.
E assim ela me ensina mais uma vez e novamente e novamente e novamente: Que família é a melhor coisa do mundo!
E que minha mãe é a melhor Mulher e Mãe do mundo!
Eu costumo dizer-lhe que ela é meu pedaço de terra firme quando o resto é apenas água.

Parabéns, mãe!
Um dia eu serei a filha que a senhora merece.
Te amo e Obrigada!



quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Aquele sobre ser fã...



A cantora Maria rita lançou seu 4º cd, Elo.
Já ouvi as músicas e adorei! Sou fã da música dela, da voz e do talento.
Pra quem gosta e está descapitalizada ( pra não dizer lisa ) como eu, pode ouvir as músicas no portal Sonora da Terra.
Dá um clique na imagem, acho que consegui colocar o link. kkkkkkkkkkk
Beijos.


terça-feira, 27 de setembro de 2011

Aquele em que acho que quero um também



Será?
O caso é que está todo mundo falando em bebês...
Juro!
A impressão que tenho é de que para onde eu olho, por onde ando tem uma criatura grávida, outra falando de filhos ou os próprios nascendo. kkkkkkkkkkkk
Será que é mesmo ou estou ficando paranóica?
Desse jeito acho que estou começando a querer um também... kkkkkkkk
O que sei é que tem gente que vai ficar super feliz por ai... :)

sábado, 24 de setembro de 2011

Aquele sobre Dica para utilizar bônus de celular...

Oi!




Um colega do trabalho compartilhou um link interessante para descobrir para qual operadora de telefone estamos ligando. E tudo que é bom, útil e de graça vale apena repassar.
É super útil para aproveitarmos os bônus e não causa aquele constrangimento, em alguns casos, de perguntar qual é a operadora diretamente a pessoa. 
Eu já testei e já utilizei diversas vezes.




http://consultanumero.abr.net.br:8080/consultanumero/consulta/consultaSituacaoAtual.action




Espero que seja útil para vocês também.




Imagem: Corbis.

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Aquele sobre a nossa Casa...

Uma colega aqui do trabalho enviou esse texto.
Remonta as memórias das casas da minha família... Minha avó, minha mãe, minhas tias...
Até onde me lembro, nas casas da minha família não lavamos a louça logo após as refeições. Minha sábia avó D. Lica diz, do jeito dela, que os pratos sujos e a cozinha a gente arruma depois, bom mesmo é conversar, dar atenção à família e as visitas logo após um almoço ou café que já foi regado a tantas outras histórias ao redor da mesa.
Como eu ainda estou aprendendo a cuidar da minhas relações na minha casa, kkkkk. Deixo o texto auqi como um registro para me recordar sempre das lições da minha família...



Casa Arrumada

Carlos Drummond de Andrade (1902-1987)

Casa arrumada é assim:
Um lugar organizado, limpo, com espaço livre pra circulação e uma boa
entrada de luz.
Mas casa, pra mim, tem que ser casa e não um centro cirúrgico, um
cenário de novela.
Tem gente que gasta muito tempo limpando, esterilizando, ajeitando os
móveis, afofando as almofadas...
Não, eu prefiro viver numa casa onde eu bato o olho e percebo logo:
Aqui tem vida...
Casa com vida, pra mim, é aquela em que os livros saem das prateleiras
e os enfeites brincam de trocar de lugar.
Casa com vida tem fogão gasto pelo uso, pelo abuso das refeições
fartas, que chamam todo mundo pra mesa da cozinha.
Sofá sem mancha?
Tapete sem fio puxado?
Mesa sem marca de copo?
Tá na cara que é casa sem festa.
E se o piso não tem arranhão, é porque ali ninguém dança.
Casa com vida, pra mim, tem banheiro com vapor perfumado no meio da tarde..
Tem gaveta de entulho, daquelas que a gente guarda barbante,
passaporte e vela de aniversário, tudo junto...
Casa com vida é aquela em que a gente entra e se sente bem-vinda.
A que está sempre pronta pros amigos, filhos...
Netos, pros vizinhos...
E nos quartos, se possível, tem lençóis revirados por gente que brinca
ou namora a qualquer hora do dia.
Casa com vida é aquela que a gente arruma pra ficar com a cara da gente..
Arrume a sua casa todos os dias...
Mas arrume de um jeito que lhe sobre tempo pra viver nela...
E reconhecer nela o seu lugar.

Imagem: Corbis.

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Aquele sobre Dúvidas...

Acabar com o regime comendo um delicioso bolo de chocolate, ter um filho ou comprar uma bicicleta?

 

Kkkkkkkkkk.
Bom dia!

P.S Ian respondeu que queria a bicicleta. Garoto esperto!

Fotos.: Latinstock.

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Aquele sobre... Encerrar Ciclos

Minha prima me enviou esse texto essa semana. Queria partilhá-lo...
Obrigada, Val!


Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final...
Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário, perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver.

Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos. Não importa o nome que damos, o que importa é deixar no passado os momentos da vida que já se acabaram.
Foi despedida do trabalho? Terminou uma relação? Deixou a casa dos pais? Partiu para viver em outro país? A amizade tão longamente cultivada desapareceu sem explicações?
Você pode passar muito tempo se perguntando por que isso aconteceu....

Pode dizer para si mesmo que não dará mais um passo enquanto não entender as razões que levaram certas coisas, que eram tão importantes e sólidas em sua vida, serem subitamente transformadas em pó. Mas tal atitude será um desgaste imenso para todos: seus pais, seus amigos, seus filhos, seus irmãos, todos estarão encerrando capítulos, virando a folha, seguindo adiante, e todos sofrerão ao ver que você está parado.

Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco.
O que passou não voltará: não podemos ser eternamente meninos, adolescentes tardios, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais, amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora e não tem a menor intenção de voltar.
As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora...

Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja!) destruir recordações, mudar de casa, dar muitas coisas para orfanatos, vender ou doar os livros que tem.
Tudo neste mundo visível é uma manifestação do mundo invisível, do que está acontecendo em nosso coração... e o desfazer-se de certas lembranças significa também abrir espaço para que outras tomem o seu lugar.
Deixar ir embora. Soltar. Desprender-se.

Ninguém está jogando nesta vida com cartas marcadas, portanto às vezes ganhamos, e às vezes perdemos.
Não espere que devolvam algo, não espere que reconheçam seu esforço, que descubram seu gênio, que entendam seu amor. Pare de ligar sua televisão emocional e assistir sempre ao mesmo programa, que mostra como você sofreu com determinada perda: isso o estará apenas envenenando, e nada mais.

Não há nada mais perigoso que rompimentos amorosos que não são aceitos, promessas de emprego que não têm data marcada para começar, decisões que sempre são adiadas em nome do "momento ideal".
Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará!
Lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo, sem aquela pessoa - nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade.
Pode parecer óbvio, pode mesmo ser difícil, mas é muito importante.

Encerrando ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida.
Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é. Torna-te uma pessoa melhor e assegura-te de que sabes bem quem és tu próprio, antes de conheceres alguém e de esperares que ele veja quem tu és...
E lembra-te:
Tudo o que chega, chega sempre por alguma razão
.


Fernando Pessoa.


 P.S.Quem souber de quem é a imagem, me avisa por favor.